Sobre o TGR

Divisão do Teatro Glauce Rocha


O Teatro Glauce Rocha é o órgão responsável pela realização de eventos distribuídos em diversas categorias, tais como: formaturas, seminários, encontros e congressos, eventos culturais nas áreas de música, dança e teatro.

O Teatro foi inaugurado em 1971 com o espetáculo teatral Oxil o Super Herói de de autoria de Cândido Alberto da Fonseca e Geraldo Espíndola e direção de Humberto Espíndola.

No dia 16 de Abril de 1993 aconteceu a re-inauguração do Teatro Glauce Rocha com a apresentação de Arthur Moreira Lima, apenas para convidados. Moreira tem um projeto inédito no senário da música clássica brasileira. O pianista criou seu caminhão-teatro, que leva concerto musical aos mais distintos públicos. O baú do caminhão se transforma em palco em apenas uma hora. Na época da reinauguração o Teatro Glauce Rocha, sua apresentação teve um público estimado de 1.000 pessoas.

No segundo dia 17 de Abril, Moreira se apresentou novamente, agora para 500 pessoas. O terceiro e quarto dias, 23 e 24, ficaram marcados pela presença de Ana Botafogo, primeira-bailarina do Teatro Municipal do Rio de Janeiro desde 1981, com o espetáculo: Bujones, 1.600 pessoas assistiram. E os últimos dias de comemoração foram 30 de Abril, 1º e 2 de Maio, nos quais 2.300 espectadores prestigiaram o lançamento do disco Caramujo Som. Os recursos arrecadados na bilheteria foram utilizados pela PREAE (Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis) para cobrir as despesas do evento.

O funcionário da UFMS, Djalma Della Santa organizou os eventos da re-inauguração, ele foi presidente do Conselho Administrativo do Teatro Glauce Rocha durante um mês, após o período foi para outro setor da Universidade. Ressalta que “a sociedade esperavam a reabertura do teatro com grande expectativa.

O Teatro Glauce Rocha hoje, abriga diversos eventos culturais, nas áreas de música, teatro e dança, além de inúmeros congressos, simpósios, encontros, fóruns, semanas e formaturas.

Uma comissão foi designada e redigiu o Regulamento do Teatro Glauce Rocha, aprovado através de Portaria da UFMS. O regulamento apresenta desde as finalidades e objetivos da organização administrativa e do conselho de administração até os valores de locação do espaço do Teatro.

Atualmente, o Teatro está vinculado administrativamente a Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Estudantis (PREAE) e tecnicamente ao Departamento de Artes.

O Conselho de Administração é o órgão de deliberação superior, fiscalizador, consultivo e deliberativo em matérias técnicas, artístico-científico-cultural, orçamentária e administrativa e é composto pelos seguintes membros:

– Administrador do Teatro Glauce Rocha
– Dois representantes do Departamento de Comunicação e Artes
– Um representante da PREAE
– Um representante discente.

A AGENDA do ano seguinte é aberta em primeiro de novembro do ano anterior, através de Edital para eventos Internos da UFMS e após 15 de novembro para eventos regionais, nacionais e internacionais.